04/07/2018

SNP reune com Ministério da Saúde sobre situação dos psicólogos do SNS

O SNP reuniu na passada terça-feira, dia 26 de junho, com o Senhor Secretário de Estado da Saúde, após reiterada solicitação para sermos auscultados em diversos dos processos que tanto têm afetado os psicólogos no SNS.

Podemos em síntese divulgar que foram dadas algumas respostas às nossas solicitações, ainda que não seja claro que o Ministério da Saúde tenha vontade de lutar de forma cabal quer contra a precariedade a que tem submetido os psicólogos na saúde quer contra o número claramente deficitário de trabalhadores neste setor.

Não obstante, foi compromisso do Senhor Secretário de Estado enviar dados específicos quanto aos pedidos no âmbito do PREVPAP, reiterando que quase todos os processos estão homologados, o que a concretizar-se, indica que os trabalhadores que concorreram, verão a sua situação resolvida. Ademais, fomos informados que abrirão a nível nacional 50 novas vagas para os cuidados de saúde primários, devendo estes colegas ficar fixados fundamentalmente no norte, por considerar este ministério que é a região onde há mais falta de profissionais. Sobre este assunto reiteramos que as carências, à data, são claramente superiores a 50 novas admissões.

No que à carreira do Psicólogo da Saúde diz respeito, esta situação parece estar a ser adiada, não parecendo ser prioritária e alegando o membro do governo que neste momento estarão a negociar as carreiras dos farmaceuticos e dos técnicos de diagnóstico. É com algum amargo de boca que constatámos, uma vez mais, que não parece ser vontade deste governo discutir e resolver as questões reais que preocupam e afetam os psicólogos do SNS, o que muito insta a necessidade de continuarmos a nossa luta, de forma cada vez mais ativa.

Por fim, ficou assumido o compromisso que à semelhança de outras organizações sindicais, também nós participaremos do acordo que defende as 35h para todos os profissionais e que esta alteração entrará em vigor muito em breve. À data este sindicato ainda não recebeu indicação para celebração deste acordo, acreditando contudo que muito em breve todos os psicólogos com vínculo público, independentemente da incoerência que tem pautado a contratação de colegas nas diversas unidades de saúde, conquistarão, finalmente, o direito às 35 horas semanais!

 Algumas conquistas, muita luta, o que tudo indica a necessidade de continuar a lutar!

Por um SNP mais forte, junta-te a nós, sindicaliza-te, luta!