07/07/2021

O SNP presente na luta dos/as Técnicos/as Especializados/as da Educação, com os/as Psicólogos/as Escolares!

No dia 6 de julho de 2021, os/as Psicólogos/as Escolares ao lado de outros/as Técnicos/as Especializados/as da Educação demonstraram o seu descontentamento e vontade de lutar contra a precariedade e desrespeito do Ministério da Educação, através do exercício do direito à greve e concentração à porta da DGEstE, no Porto. Esta ação de luta foi organizada pelo SNP e pela Federação Nacional Sindicatos Trabalhadores Funções Públicas e Sociais (FNSTFPS).

Mais uma vez, estas/es trabalhadoras/es e dezenas de outros/as Psicólogos/as por todo o país que aderiram à greve, fizeram ouvir a sua voz e as suas reivindicações, das quais se salientam: o acesso à mobilidade geográfica, a dignificação da carreira, a efetiva regulamentação, a estabilidade no emprego e o fim da precariedade. 

O PREVPAP, ainda não totalmente concluído, não foi a cereja no topo do bolo como o Ministério da Educação queria fazer crer, pelo contrário tal como o SNP alertou: não melhorou as condições de trabalho das/os Psicólogas/os já efetivas/os nem daquelas/es que entretanto efetivaram, pois para além de passaram a auferir menos por trabalho igual, muitos/as, ficaram em postos de trabalho a quilómetros de casa sem possibilidade de aproximação à sua residência, para além de todos/as aqueles/as que ainda aguardam uma resposta ou nem sequer puderam concorrer, por exemplo devido a informação errada, somando-se ainda aquelas/es que contam já com quatro contratos sucessivos com o Ministério da Educação.

O SNP alerta ainda que não é através de fundos temporários que se defende e valoriza a Escola Pública, que se quer permanentemente Inclusiva e de Qualidade.

Deste modo, o SNP irá continuar a dinamizar e a promover ações que permitam aos/às Psicólogos/as Escolares exercer a sua função em prol da Educação num quadro laboral digno e justo, defendendo o direito ao trabalho com direitos.

Junta-te! Sindicaliza-te! Luta!

A Direção do SNP"